Apesar do coronavírus, petrolífera saudita anuncia que vai ampliar produção


Estadão Conteúdo
10 de março de 2020 às 07:48 | Atualizado 15 de março de 2020 às 13:47

A companhia petrolífera estatal saudita Saudi Aramco informou nesta terça-feira (10) que vai ampliar sua produção para 12,3 milhões de barris por dia (bpd) em abril.

saudi aramco

Estatal saudita decide aumentar a produção mesmo com redução de demanda (12.out.2019)

Foto: Maxim Shemetov/File Photo/Reuters

O número ficará cerca de 300 mil bpd acima da capacidade sustentada máxima anterior da empresa, de 12 milhões de bpd.

No fim de semana, a Arábia Saudita já havia anunciado que cortaria os preços de seu petróleo, dando início a especulações de que pudesse estar provocando uma guerra comercial.

A decisão veio depois de a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e aliados da Opep+, incluindo a Rússia, não conseguirem chegar a um acordo para aprofundar cortes na produção coletiva, em resposta à ameaça imposta pela disseminação do coronavírus.

Com informações da Dow Jones Newswires.