American Airlines suspende todos os voos dos EUA para o Brasil


Estadão Conteúdo
15 de março de 2020 às 16:46 | Atualizado 16 de março de 2020 às 12:17

Boeing 787 da American Airlines

Boeing 787 da American Airlines

Foto: American Airlines/Divulgação

A American Airlines anunciou na noite deste sábado, 14, a suspensão de todos seus voos partindo dos EUA para o Brasil a partir da segunda-feira, dia 16. Na última sexta-feira, 13, com o avanço do coronavírus pelo mundo, a empresa já havia anunciado a suspensão dos serviços entre Dallas e Los Angeles para o aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo.

A partir de segunda, estão suspensos também os voos do Aeroporto Internacional de Nova York/JFK para o Galeão (RJ) e Guarulhos (SP) e do Aeroporto Internacional de Miami também para o Galeão e Guarulhos, além de Brasília e Manaus (AM). De acordo com a companhia área, a interrupção dos voos está prevista para durar até o dia 6 de maio.

Além disso, a empresa também ampliou a suspensão dos seus voos pela América do Sul. Além de Chile e Argentina, presentes na lista da última sexta-feira, estão interrompidos os serviços para diversas cidades da Colômbia e do Equador, além do Peru (Lima) e Guiana (Georgetown).

A empresa informou que espera reduzir em 75% a sua capacidade de voos internacional entre de 16 de março e 6 de maio em relação ao mesmo período do ano passado.