Como o temor de recessão global afeta diretamente o mercado brasileiro

Pessimismo do mercado internacional, puxado por previsões de recessão global do Banco Mundial e do FMI, ajuda a deteriorar novamente câmbio e bolsa no Brasil

Fernando Nakagawa
Por Fernando Nakagawa, CNN  
16 de abril de 2020 às 07:13 | Atualizado 16 de abril de 2020 às 07:15
Abertura de Mercado é um podcast diário com as principais notícias econômicas
Foto: CNN Brasil

Pessimismo do mercado internacional, puxado por previsões de recessão global do Banco Mundial e do FMI, ajuda a deteriorar novamente câmbio e bolsa no Brasil. 

No episódio de hoje:

- Dólar engata terceira alta consecutiva e vai a R$ 5,24;
- O Ibovespa também caiu na quarta-feira (15), aos 78.831 pontos;
- Essa piora é gerada, em parte, pelo exterior, onde preocupações sobre a recessão global voltaram a pesar sobre os negócios;
- O tema ganhou espaço após previsões pessimistas do Banco Mundial e do Fundo Monetário Internacional;
- Além disso, pesa também o noticiário político brasileiro. A briga entre o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, não ajuda os negócios;
- Para muitos analistas, está disputa por poder e visibilidade é um desperdício de energia e capital político; - O choque gerado pelo coronavírus deve fazer o Brasil ter a segunda inflação mais baixa já registrado em todo o plano real;
- Economistas preveem inflação em torno de 2,5% este ano;
- Juliana Elias, repórter do CNN Business, fez uma reportagem para explicar o problema deste número se manter baixo por muito tempo;
- A Petrobras iniciou a paralisação de 62 plataformas de petróleo no país;
- Essa hibernação das unidades vai reduzir a produção em cerca de 23 mil barris por dia;
- As plataformas paralisadas não possuem condições econômicas para operar com os baixos preços do petróleo;
- Diante da pandemia, governos estão usando ferramentas inéditas de monitoramento digital. É o que mostra uma reportagem publicada pelo The Wall Street Journal;
- Os mais de 5 bilhões de smartphones do mundo estão sendo utilizados para monitorar pessoas e evitar aglomerações;
- Reportagem do jornal Folha de S. Paulo mostra que lojas da Oscar Freire, uma das ruas comerciais mais caras do país, estão instalando tapumes evitar vandalismo e saques durante quarentena;
- AGENDA: Às 9h30, são divulgados novos dados semanais sobre os pedidos de  seguro desemprego nos EUA.