Senado americano aprova pacote de ajuda de quase US$ 500 bilhões

Democratas e Republicanos concordaram com os termos do novo pacote de ajuda que vai beneficiar os empreendedores americanos que têm até 20 funcionários na folha

Do CNN Brasil Business, em Nova York
21 de abril de 2020 às 17:31 | Atualizado 22 de abril de 2020 às 06:37

O Senado americano aprovou um pacote de ajuda de aproximadamente US$ 480 bilhões, que inclui crédito voltado a financiamentos para pequenas empresas afetadas pelo surto de coronavírus, além de outras prioridades, como dinheiro para hospitais e testes de COVID-19 expandidos.

Dentro do valor, consta uma autorização para que o Programa de Proteção de Cheques gaste US$ 310 bilhões adicionais. O acordo destina cerca de US$ 320 bilhões no total para o programa.

Democratas e Republicanos concordaram com os termos do novo pacote de ajuda que vai beneficiar os empreendedores americanos que têm até 20 funcionários na folha de pagamento. O pequeno empresário representa 48% das folhas de pagamento dos trabalhadores, nos Estados Unidos. Salvar esse setor é estimular o consumo das famílias e frear o desemprego, que já chegou a níveis recordes no país.

Confira a análise do editor de internacional da CNN, Marcelo Favalli, direto de Nova York.