Por retomada, China diz que vai impulsionar investimentos e empregos

5G, inteligência artificial, transporte e energia serão algumas das áreas prioritárias

Reuters
23 de abril de 2020 às 08:04
Exterior do Banco Central da China, em Pequim (04.abr.2020)
Foto: Carlos Garcia Rawlins/Reuters

A China vai acelerar o investimento em vários setores, incluindo 5G, inteligência artificial, transporte e energia, além de impulsionar o emprego, afirmou nesta quinta-feira o presidente Xi Jinping conforme a segunda maior economia do mundo enfrenta os impactos da pandemia de coronavírus.

A agência de notícias oficial Xinhua informou que Xi, falando durante visita à província de Shaanxi, afirmou que a tendência de melhora de longo prazo da economia chinesa não mudou, mas disse que Pequim adotará as medidas para impulsionar a economia real, especialmente o setor industrial.

Xi afirmou ainda que Pequim focará no emprego de recém-formados na faculdade, trabalhadores imigrantes e veteranos aposentados, impulsionando o emprego e o empreendedorismo através de vários canais.