Em meio à crise com Moro, Guedes cancela participação em conferência do Itaú

Havia grande expectativa pelas falas de Guedes em uma semana marcada pelo lançamento do chamado Plano Pró-Brasil pela Casa Civil

Estadão Conteúdo
24 de abril de 2020 às 11:21

Ministro da Economia, Paulo Guedes, desistiu de participar de evento do Itaú em cima da hora

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, cancelou a participação em uma videoconferência organizada pelo Itaú Personnalité nesta sexta-feira (24). O cancelamento ocorreu em cima da hora, quando quase 4 mil pessoas já aguardavam o início do evento no canal do banco no YouTube.

Havia grande expectativa pelas falas de Guedes em uma semana marcada pelo lançamento do chamado Plano Pró-Brasil pela Casa Civil que, sem a participação da equipe econômica, anunciou um programa de pesados investimentos públicos em infraestrutura.

Na quinta, o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, foi enfático ao defender que grandes obras sejam tocadas por investidores privados.

A desistência de Guedes em participar da videoconferência ocorre ainda em meio à possível saída do governo do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

O presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta sexta a exoneração de Maurício Valeixo do cargo de diretor-geral da Polícia Federal e, no Twitter, ainda destacou que quem escolhe e nomeia o dirigente da instituição é o presidente da República.