Produção industrial chega a cair 21% em alguns estados em março, diz IBGE

Pela primeira vez na história da pesquisa, todos os locais pesquisados apresentaram perdas

Estadão Conteúdo
14 de maio de 2020 às 09:57
Em SP, maior parque industrial do país, queda na produção industrial foi de mais de 5%
Foto: Paula Forster/CNN

Em todos os 15 locais pesquisados, a produção industrial caiu em março, na comparação com fevereiro, conforme mostram os dados da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional, divulgados nesta quinta-feira (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em São Paulo, maior parque industrial do país, a queda foi de 5,4%.

Com a atividade industrial já impactada pela pandemia de Covid-19, foi a primeira vez em que todos os locais pesquisados na PIM Regional registraram queda desde o início da série histórica da pesquisa, iniciada em 2012. As quedas mais intensas ocorreram no Ceará (-21,8%), Rio Grande do Sul (-20,1%) e Santa Catarina (-17,9%).

Na média nacional, a produção industrial encolheu 9,1%, como informou o IBGE na semana passada. Além dos três estados com maiores quedas, Pará (-12,8%), Amazonas (-11,0%) e Região Nordeste (-9,3%) também mostraram recuos mais intensos do que a média nacional.

Pernambuco (-7,2%), Espírito Santo (-6,2%), São Paulo (-5,4%), Bahia (-5,0%), Paraná (-4,9%), Mato Grosso (-4,1%), Goiás (-2 8%), Rio de Janeiro (-1,3%) e Minas Gerais (-1,2%) tiveram taxas abaixo da média nacional, informou o IBGE.