É possível lucrar com o investimento em opções? Entenda esse mercado


Do CNN Brasil Business, em São Paulo
03 de agosto de 2020 às 07:05 | Atualizado 03 de agosto de 2020 às 09:00
Podcast O que eu faço

"O que eu faço?": CNN tem podcast para tirar dúvidas sobre investimentos em tempos de crise

Foto: Divulgação

Quem acompanha o mercado financeiro por vezes se depara com temas que parecem difíceis de entender, mas, na verdade, são mais simples do que aparentam. É o caso das opções, uma modalidade de investimentos que pode ser benéfica para quem enxerga uma tendência, seja ela de alta ou de baixa. 

Esse instrumento financeiro dá ao comprador o direito de vender ou comprar um ativo com data de vencimento e preço predeterminados. Para isso, o vendedor cobra uma taxa, chamada de prêmio. 

Em um exemplo do funcionamento desse instrumento, um investidor pode comprar uma opção de compra (call) de uma ação com vencimento para 20 de novembro ao preço de R$ 15 (strike).

Veja também:
Confira aqui todos os episódios do "O que eu faço?"

Isso significa que, no dia 20 de novembro, esse investidor tem o direito de comprar aquele papel por R$ 15, mesmo se ação valer, naquele momento, R$ 25. As opções são recomendadas para quem já entende o funcionamento da bolsa de valores e está acostumado a investir em renda variável. Porém, está sendo usada por muitos iniciantes para especular – o que pode trazer prejuízos grandes.

No podcast “O que eu Faço?”, Fabiano Romano, head da área de Opções da Santander Corretora, diz que o aprendizado sobre esse instrumento é rápido e alavancado pelas ferramentas de investimento que as instituições financeiras oferecem. 

Romano ainda explicou a diferença entre opções e mercado futuro. Para entender mais, confira o novo episódio do podcast "O que eu faço?", apresentado por Fernando Nakagawa e Luciana Barreto. 

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook