Airbnb faz pedido para abertura de capital

O número de ações a ser ofertado e a faixa de preço indicativa para o IPO não foram determinados

Neha Malara, Niket Nishant e Anirban Sen, da Reuters
19 de agosto de 2020 às 20:10 | Atualizado 20 de agosto de 2020 às 08:03

A companhia de aluguel de imóveis por temporada Airbnb encaminhou nesta quarta-feira um pedido confidencial de oferta inicial de ações (IPO), abrindo terreno para uma das operações mais aguardadas do ano.

O número de ações a ser ofertado e a faixa de preço indicativa para o IPO não foram determinados, informou a empresa.

Leia também: 
A última locadora Blockbuster do mundo agora também é um Airbnb

Site do Airbnb, plataforma de aluguel de casas e apartamentos para turismo

Foto: Divulgação

Em outubro, a Airbnb estava perto de contratar Morgan Stanley e Goldman Sachs como assessores do IPO, depois que a empresa anunciou planos de abrir seu capital em 2020.

O pedido de IPO ocorre em um momento em que seu principal mercado é duramente impactado pelas medidas de isolamento social ao redor do mundo, que tem forçado milhões de pessoas a adiar planos de viagem. A crise fez a Airbnb cortar 25% de seu pessoal e suspender atividades de marketing pelo restante do ano.

Entretanto, em um sinal de recuperação inicial, a Airbnb afirmou em julho que os hóspedes reservaram mais de 1 milhão de noites em um único dia pela primeira vez desde 3 de março.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook