São Paulo vai zerar tarifas para abertura de empresas por 60 dias

Segundo o presidente da Junta Comercial do Estado de São Paulo, a abertura de empresas em julho deste ano foi 8% superior ao mesmo período no ano passado

Estadão Conteúdo
24 de agosto de 2020 às 15:50

Empreendedor avalia plano de negócio: estado de São Paulo zera tarifas para abertura de empresas por 60 dias

Foto: Campaign Creators/Unsplash

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou que o estado irá isentar as tarifas para abertura de empresas por 60 dias, a partir da terça-feira (25) para as empresas individuais, limitadas, individuais de responsabilidade limitada (Eireli), sociedades abertas e sociedades cooperativas.

Segundo o presidente da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), Walter Ihoshi, a abertura de empresas em julho deste ano foi 8% superior ao mesmo período do ano passado.

Leia também:
Abertura de empresas cai 23% no 2° trimestre, diz Boa Vista
Cidade de São Paulo pode ir para fase verde de flexibilização em 4 de setembro

Conforme informou Ihoshi, a maior parte das empresas abertas no mês de julho deste ano (30,5%) são do setor de comércio.

Desde abril, julho foi o primeiro mês em que houve um saldo positivo de 9% entre aberturas e fechamentos no comparativo com o mesmo mês do último ano.

Em abril, início da crise causada pela pandemia do novo coronavírus, o saldo apontava uma variação negativa de 62% entre aberturas e fechamentos no mesmo comparativo.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook