Magalu não é o único: Bayer abre trainee para profissionais negros

O salário do programa é de R$ 6.900,00 e o trainee também contará com uma gama de benefícios que incluem até incentivos à qualidade de vida

Paula Bezerra, do CNN Brasil Business, em São Paulo
20 de setembro de 2020 às 14:22 | Atualizado 21 de setembro de 2020 às 12:30

A gigante química e farmacêutica Bayer anunciou, na sexta-feira (18), seu mais novo programa de trainee voltado a profissionais negros. Este será o primeiro programa criado pela companhia, focado para a valorização da diversidade étnico racial. 

Em nota oficial no site do projeto, a empresa afirma que a medida quer promover um ambiente mais diverso, inclusivo, inovador e sustentável. "Ao olharmos para a relidade brasileira, percebemos que, mesmo com a população de 56% de pessoas que se autodeclaram negras, uma gigantesca parcela delas não faz parte do mercado formal de trabalho, ainda mais quando aproximamos a lupa em cargos de liderança – inclusive na Bayer", diz. 

Leia também:
Magalu abre programa de trainee só para pessoas negras e não exige inglês
Creditas abre vagas para programas de estágio e trainee com VR de R$ 32/dia
Consultorias se especializam em recrutar negros; cultura ainda é barreira

Diante deste cenário, a empresa busca pessoas que tenham concluído a graduação ou pós-graduação entre dezembro de 2017 e dezembro de 2020. Além disso, que também tenha disponibilidade para mudar de cidade, caso escolha uma vaga em cidade diferente da moradia atual.

O salário do programa é de R$ 6.900 e o trainee também contará com benefícios como assistência médica e odontológica, vale transporte, previdência privada e seguro de vida. 

Como benefícios diferenciados, a empresa destaca subsídio de medicamentos, GymPass, assistência psicológica e incentivos à qualidade de vida. 

O programa tem duração de 18 meses e o profissional terá a oportunidade de escolher uma área de atuação e participar de projetos multidisciplinares com impacto direto na companhia. 

Etapas do processo

Para disputar uma vaga no time de trainees da Bayer, o candidato deverá realizar a inscrição, que estará disponível de 18 de setembro a 21 de outubro no site da empresa. Após essa etapa, passará por uma jornada online, com avaliação gamificada. Os aprovados serão 'testados' em uma dinâmica de grupo online; warm up, com um encontro preparatório para a etapa final.

Já o último processo será uma roda de conversa com profissionais que já atuam na companhia, além de um painel de negócios e entrevistas finais. 

A etapa de admissões será realizada entre os meses de dezembro e janeiro. 

Para se inscrever, consulte o site da empresa.

Diversidade na Bayer

O programa de liderança negra e trainee para profissionais negros faz parte de uma estratégia conjunta de diversidade da companhia.

Há mais de cinco anos, a empresa incluiu o núcleo de Inclusão & Diversidade na estratégia de negócios, a fim de fortalecer o posicionamento da multinacional alemã. 

Além da inclusão na estratégia da companhia, a Bayer destaca iniciativas internas com os grupos de afinidades, compostos por colaboradores voluntários. Entre algumas das iniciativas, a companhia conta com o Blend voltado ao público LGBTQ; o All In, que discute a igualdade de gênero; o BayAfro, para tratar de questões étnico-racial; o Enable, às pessoas PCD; o Infinite, que inclui diversas gerações; além do Programa Wiser, que tem como objetivo empoderar mulheres na área de Tecnologia e Ciência.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook