Por Covid-19, governo deve adiar tradicional fórum de investimentos

O Brazil Investment Forum, nome em inglês, costuma reunir autoridades do governo e grandes empresários, executivos e investidores de todo o mundo

Por Igor Gadelha, CNN  
22 de setembro de 2020 às 09:42 | Atualizado 22 de setembro de 2020 às 09:51

O governo federal deve adiar para maio do próximo ano a edição de 2020 do tradicional Fórum de Investimentos Brasil, em razão das restrições provocadas pela pandemia da Covid-19.

O fórum estava marcado para os próximos dias 10 e 11 de novembro, em São Paulo. As restrições determinadas pelo governador João Doria (PSDB), porém, impedem a realização de grandes eventos como esse.

Leia e assista também:

Edição de 2021 do Fórum Econômico de Davos é adiada

O provável adiamento do fórum foi discutido pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em reunião nesta segunda-feira (21), no Palácio do Planalto, com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o chanceler Ernesto Araújo.

Os presidentes do Banco Central, Roberto Campos Neto, e da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Sérgio Segovia, também participaram da conversa.

Organizado pela Apex em parceria com o Itamaraty e com o Ministério da Economia, o evento é considerado o maior fórum de investimentos estrangeiros da América Latina.

O Brazil Investment Forum, nome em inglês, costuma reunir autoridades do governo e grandes empresários, executivos e investidores de todo o mundo, além de formadores de opinião.