2º onda de Covid-19 não afetará tanto o mercado financeiro, diz ex-diretor do BC

Principais índices financeiros fecharam esta quarta-feira (28) em baixo

Da CNN, em São Paulo
28 de outubro de 2020 às 22:13

Em entrevista à CNN nesta quarta-feira (28), o economista e ex-diretor do Banco Central, Alexandre Schwartsman, falou sobre o mercado financeiro em meio à forte onda de novos casos de novo coronavírus nos Estados Unidos e na Europa. Hoje, os mercados globais tiveram quedas expressivas

“Esse fenômeno da segunda onda, muito embora os mercados tenham reagido muito forte, acho que é menos surpresa", disse.

"A gente tem visto isso algum tempo e por mais que venha lockdown [confinamento] não parece ser um fenômeno da mesma gravidade que vimos lá atrás até porque a mortalidade é menor e estamos mais próximos de obtermos uma vacina”, explicou.

Assista e leia também:

Dólar sobe a R$ 5,76 e atinge valor mais alto desde maio; Ibovespa despenca 4%