Preço do petróleo Brent supera US$49 com esperanças de mais demanda após vacina

Mesmo após crescimento dos estoques, commodity segue em alta após notícias positivas sobre o controle da pandemia de Covid-19

Reuters
10 de dezembro de 2020 às 08:52
Barris de petróleo: Brent ultrapassou os US$ 49 na manhã desta quinta (10)
Foto: Instagram/ Reprodução

Os preços do petróleo subiam nesta quinta-feira (10), com o Brent, referência internacional, ultrapassando os US$ 49 por barril por esperanças de uma recuperação mais rápida da demanda após a liberação de vacinas para Covid-19, o que compensou um grande aumento nos estoques dos Estados Unidos.

O Reino Unido começou a vacinação nesta semana, enquanto nos Estados Unidos as aplicações podem começar ainda no final de semana. O Canadá aprovou na quarta-feira sua primeira vacina e disse que as primeiras doses devem ser entregues a partir da próxima semana.

Leia também:
Preços de combustíveis nos postos têm maior nível em ao menos 7 semanas
ANP cassa liminar de redução de compras de créditos de descarbonização

O petróleo Brent subia US$ 0,73, ou 1,49%, a US$ 49,59 por barril, às 8h05 do horário de Brasília. O petróleo dos Estados Unidos avançava US$ 0,63, ou 1,38%, a US$ 46,15 por barril.

Os preços subiam mesmo após o último relatório dos Estados Unidos sobre estoques de petróleo ter mostrado um aumento de 15,2 milhões de barris, contra expectativa de analistas de queda de 1,4 milhão de barris.

"Os últimos dados excederam todas expectativas pessimistas", disse Tamas Varga, da corretora PVM. "A teimosia dos altistas do petróleo e sua confiança no impacto econômico positivo do lançamento da vacina são realmente notáveis."

Também houve algum apoio para as cotações por preocupações com um ataque sobre um campo de petróleo no Iraque. Dois poços em um pequeno campo pegaram fogo após ataques com explosivos na quarta-feira, mas a produção em geral não foi afetada.