Nova prévia do Ibovespa mantém Copel, Eneva, JHSF e Unidas

Nova prévia não excluiu nenhum papel do índice de referência do mercado acionário brasileiro que irá valer de 4 de janeiro a 31 de abril

Paula Arend Laier, da Reuters
16 de dezembro de 2020 às 11:02
Foto: Reuters/Amanda Perobelli


A segunda prévia do Ibovespa que irá vigorar nos primeiros quatro meses de 2021 manteve a entrada das ações de Copel, Eneva, JHSF e Unidas, divulgou a B3 nesta quarta-feira.

Assim como a primeira preliminar conhecida no começo do mês, a nova prévia não excluiu nenhum papel do índice de referência do mercado acionário brasileiro que irá valer de 4 de janeiro a 31 de abril, totalizando 81 ativos, de 78 empresas.

Leia também:
Já é possível investir em água, assim como o petróleo e a soja, em Wall Street
De petróleo a boi gordo e soja, entenda como é possível lucrar com commodities

A B3 ainda divulgará uma terceira prévia no penúltimo pregão de vigência da carteira em vigor.