Superávit da balança comercial em 2021 poderá ser recorde histórico

Resultado do próximo ano pode superar recorde de 2017, afirma AEB

Por Alana Gandra, da Agência Brasil
16 de dezembro de 2020 às 17:25
Foto: Paulo Whitaker / Reuters

As exportações brasileiras deverão atingir US$ 237,334 bilhões no próximo ano, com aumento de 13,7% em relação aos US$ 208,791 bilhões estimados para este ano de 2020.

As importações poderão chegar a US$ 168,316 bilhões, com crescimento de 7,3% ante os US$ 156,916 bilhões esperados para este ano.

Leia também:
Monitor do PIB aponta alta de 0,6% em outubro ante setembro, diz FGV
Pesquisa do IBGE mostra concentração de riqueza no país em 2018

Estimado em US$ 69,018 bilhões, o superávit para 2021 mostrará evolução de 33% na comparação com os US$ 51,875 bilhões previstos para 2020, o que poderá representar recorde histórico, caso se concretizem as projeções.

O maior superávit até agora registrado no país, foi US$ 67 bilhões, em 2017.  

As previsões foram divulgadas hoje (16) pela Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB).

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook