China cresce 2,3% em 2020 — pior índice em décadas, mas positivo na pandemia

Crescimento anual da economia chinesa em 2020 superou expectativa do FMI, que previa aumento de 1,9% no PIB no ano marcado pela Covid-19

Por Laura He, da CNN
17 de janeiro de 2021 às 23:58
Funcionários de uma fábrica durante o expediente em Nantong, na China (16.mar.2020)
Foto: China Daily/Reuters


A economia chinesa cresceu 2,3% em 2020 em comparação com o ano anterior, de acordo com estatísticas do governo divulgadas nesta segunda-feira (18).

O índice representa a taxa de crescimento anual mais lenta da China em décadas - a pior desde 1976, quando o PIB encolheu 1,6% durante um período de tumulto social e econômico.

 

No entanto, durante um ano em que uma pandemia devastadora mergulhou as principais economias mundiais em recessão, a China claramente saiu vitoriosa.

A expansão também superou as expectativas: o Fundo Monetário Internacional, por exemplo, previu que a economia da China cresceria 1,9% em 2020. O país é única grande economia mundial que o FMI projetou crescimento no ano.

O ritmo da recuperação também está acelerando. A economia da China cresceu 6,5% no quarto trimestre em comparação com o ano anterior, de acordo com o governo. Isso é mais rápido do que o crescimento de 4,9% registrado no terceiro trimestre.