Ocupação de hotéis no carnaval cai 70% em relação ao ano passado

Capital paulista estima que 80% dos quartos estejam disponíveis durante o período

Da CNN, em São Paulo
14 de fevereiro de 2021 às 09:18 | Atualizado 25 de fevereiro de 2021 às 17:09

Por conta do cancelamento dos blocos e desfiles de carnaval, a rede hoteleira das principais cidades onde normalmente ocorrem as folias está vazia. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria Hoteleira, a taxa de ocupação dos hotéis chega a ser 70% menor do que no mesmo período de 2020. 

A expectativa para a capital paulista é que a taxa de ocupação seja de apenas 20%. No ano passado, 80% dos quartos foram reservados durante o feriado.

Enquanto no Rio de Janeiro 95% dos quartos estiveram ocupados em 2020, neste ano sem o carnaval, a expectativa é que não chegue à metade. 

No Nordeste, região muito procurada por turistas por conta das festas tradicionais de carnaval, a hotelaria também foi muito afetada. Salvador, por exemplo, deve ficar com a taxa de ocupação ao redor de 30%, enquanto no Ceará por volta de 40%. 

Por conta desta baixa em todo o país, a rede hoteleira está pedindo a suspensão das cobranças de fundo de financiamento, conta de luz e água, além da redução de diversos impostos, como IPTU.