IR 2021: é preciso informar CPF de todos os dependentes; como tirar o documento

A medida, válida desde 2019, busca reduzir a possibilidade de fraudes na declaração, aumentando a base de dados da Receita Federal

Do CNN Brasil Business
05 de março de 2021 às 05:00 | Atualizado 05 de março de 2021 às 20:20
CPF
CPF
Foto: Receita Federal / Reprodução

 

Os contribuintes que irão realizar a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2021 deverão informar o CPF (Cadastro de Pessoa Física) de todos os dependentes, independentemente da idade. 

A medida, válida desde 2019, busca reduzir a possibilidade de fraudes na declaração, aumentando a base de dados da Receita Federal, segundo o especialista ouvido pelo CNN Brasil Business. Antes, apenas os dependentes com 8 anos ou mais deviam ter o CPF informado.

“A Receita observou que tinha muita gente que fazia a declaração de maneira mal feita e colocava o patrimônio em nome dos dependentes. E, quando passou-se a exigir o CPF, a Receita passou a cruzar os dados dos dependentes também para reduzir esses problemas”, disse Marco Tulio, professor do curso de administração da Faap.

Como tirar o CPF?

Para quem deseja tirar o CPF, o processo é relativamente simples. Desde o ano de 2017, as certidões de nascimento já contam com o número do CPF.

Para aqueles que nasceram antes de 2007, o documento pode ser pedido pelo site da Receita Federal, por email, nas agências do Banco do Brasil ou da Caixa, nos postos dos Correios e em cartórios espalhados pelo país.

O custo é de R$ 7, exceto para os pedidos realizados pelo site da Receita, por onde a solicitação é feita de maneira gratuita. 

Nos locais físicos, é necessário levar RG ou certidão de nascimento, título de eleitor (para maiores de 18 anos) e documento de identificação dos pais (para menores de 18 anos). 

(Publicado por Maria Carolina Abe)