Energisa prevê ampliar os investimento em quase 45% em 2021, diz CFO

Companhia pretende ampliar os investimentos em 2021 em quase 45%, para R$ 3,9 bilhões, contra R$ 2,7 bilhões em 2020

Por Luciano Costa, da Reuters
12 de março de 2021 às 16:50 | Atualizado 12 de março de 2021 às 17:52
Torres de energia
Torres de energia
Foto: Reprodução/Pixabay

 A Energisa, que controla distribuidoras de energia e tem negócios em transmissão e geração renovável, prevê ampliar os investimentos em 2021 em quase 45%, para R$ 3,9 bilhões, contra R$ 2,7 bilhões em 2020, disse o diretor financeiro da companhia nesta sexta-feira (12).

Desse montante, R$ 834 milhões seriam para projetos de transmissão em andamento, disse o CFO, Maurício Botelho, durante teleconferência com investidores. Ele afirmou que a elétrica prevê concluir esses empreendimentos com antecipação média de 12 a 18 meses frente aos cronogramas originais.