Bolsas da Ásia fecham em alta, com otimismo sobre recuperação econômica

O índice acionário japonês Nikkei subiu 1,56% em Tóquio hoje, enquanto o Hang Seng avançou 1,57% em Hong Kong

Sergio Caldas, do Estadão Conteúdo
26 de março de 2021 às 08:08
bolsa china
Foto: Toru Hanai/File Photo/Reuters

As bolsas asiáticas fecharam em alta generalizada nesta sexta-feira (26), seguindo o tom positivo de Wall Street ontem, à medida que investidores voltaram a mostrar otimismo com a recuperação da economia global diante do avanço da campanha de vacinação contra a Covid-19 nos EUA.

O índice acionário japonês Nikkei subiu 1,56% em Tóquio hoje, a 29.176,70 pontos, enquanto o Hang Seng avançou 1,57% em Hong Kong, a 28.336,43 pontos, o sul-coreano Kospi se valorizou 1,09% em Seul, a 3.041,01 pontos, e o Taiex registrou ganho de 1,53% em Taiwan, 16.305,88 pontos.

Na China continental, o Xangai Composto teve alta de 1,63%, a 3.418,33 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto avançou 2,23%, a 2.214,81 pontos.

Dados publicados ontem mostraram que o número de pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caiu ao menor nível em um ano na semana passada, sinalizando que a recuperação da maior economia do mundo deverá ganhar fôlego à medida que a situação de sua saúde pública melhora.

Em sua primeira entrevista coletiva formal, o presidente dos EUA, Joe Biden, dobrou ontem sua meta de vacinação contra a Covid-19 em seus primeiros cem dias no cargo, para 200 milhões de doses. A meta anterior, de 100 milhões de doses, foi atingida 42 dias antes do previsto.

Em Nova York, as bolsas americanas tiveram altas modestas ontem, após um pregão marcado por volatilidade.

Embora a crise sanitária dos EUA dê sinais de progresso, a situação da Europa, que tem endurecido medidas de bloqueio em meio a evidências de que vive uma terceira onda de infecções por covid-19, continua preocupando.

Na Oceania, a bolsa australiana também ficou no azul hoje, e o S&P/ASX 200 avançou 0,49% em Sydney, a 6.824,20 pontos.