Tencent atrai investidores pelo preço e levanta US$ 4,15 bi em emissão de dívida

O preço dos títulos foi definido em 25 a 35 pontos base abaixo do guidance de preço inicial entregue a potenciais investidores quando o negócio foi lançado

Scott Murdoch e Andrew Galbraith, da Reuters
16 de abril de 2021 às 14:26
Tencent
Foto: Jason Lee / Reuters

A Tencent levantou US$ 4,15 bilhões nesta sexta-feira (16), com investidores sendo atraídos pelo seu preço em sua segunda emissão expressiva de dívida em menos de um ano, esquecendo a repressão regulatória aos gigantes chineses de tecnologia.

A empresa mais valiosa da Ásia disse em um comunicado que levantou US$ 500 milhões em uma tranche de 10 anos, 900 milhões em títulos de 20 anos, 1,75 bilhões em papéis de 30 anos e US$ 1 bilhão no lote para 40 anos.

Os pedidos finais para os títulos denominados em dólar valiam US$ 21 bilhões quando o livro fechou na manhã de sexta-feira (16) durante o pregão dos EUA, de acordo com duas fontes com conhecimento direto do assunto.

A Tencent não quis comentar sobre a demanda por seus títulos.

O preço dos títulos foi definido em 25 a 35 pontos base abaixo do guidance de preço inicial entregue a potenciais investidores quando o negócio foi lançado na quinta-feira (15).

Os gigantes chineses de tecnologia estão enfrentando uma repressão regulatória sem precedentes, devido a preocupações de que eles construíram um poder de mercado que sufoca a concorrência, usam indevidamente os dados do consumidor e violam os direitos do consumidor.