Petrobras pode recuperar R$ 4,4 bi com exclusão de ICMS do PIS/Cofins

A expectativa da petrolífera é aproveitar o crédito nos próximos meses, mediante a compensação de tributos federais

Luísa Laval, do Estadão Conteúdo
21 de maio de 2021 às 09:23 | Atualizado 21 de maio de 2021 às 10:03
Edifício-sede da Petrobras, no Rio de Janeiro (RJ) 22/02/2021
Foto: REUTERS/Ricardo Moraes

A Petrobras comunicou na quinta-feira (21), que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de excluir o valor do ICMS da base de cálculo do PIS e do Cofins trará um efeito positivo no resultado da companhia.

"A melhor estimativa dos valores a serem recuperados para as competências compreendidas entre o período de outubro de 2001 a junho de 2020, é de um acréscimo de R$ 4,4 bilhões, antes dos efeitos fiscais, os quais serão reconhecidos nas demonstrações financeiras do 2º trimestre de 2021", afirma, em fato relevante.

A expectativa da petrolífera é aproveitar o crédito nos próximos meses, mediante a compensação de tributos federais, conforme os trâmites normativos necessários.