Opine: em quais ações devo investir para aproveitar a alta das commodities?

Confira as opiniões de Victor Nehmi, fundador da Sparta Investimentos, e Patrick Conrad, analista de commodities da Western Asset, e diga se concorda ou não

Do CNN Brasil Business, em São Paulo
25 de maio de 2021 às 15:03 | Atualizado 25 de maio de 2021 às 15:03
O Grande Debate - Investimentos
Foto: Arte/CNN

 

Aço, açúcar, celulose, milho, minério de ferro, petróleo e soja são alguns desses produtos que estão com o preço lá nas alturas. Como o investidor pode se beneficiar desse avanço das commodities e principalmente quais ações são melhores para investir?

Para discutir esse tema, o programa "O Grande Debate — Investimentos" contou com a participação de Victor Nehmi, fundador e gestor da Sparta Investimentos, e Patrick Conrad, analista de commodities da Western Asset. Confira a opinião dos especialistas e diga se você concorda ou discorda deles.

"Gostamos muito das commodities que o Brasil exporta para a China: celulose, minério de ferro e até siderurgia indiretamente. Mais especificamente, estamos otimistas com as ações da Gerdau, Vale, Suzano e BrasilAgro."

Patrick Conrad, analista de commodities da Western Asset

 

"É esperado que os preços [das commodities] permaneçam altos e talvez fiquem até mais altos do que já estão. As commodities que estão mais estranguladas [sem capacidade de aumentar sua produção no curto prazo] são grãos e consequentemente proteínas animais, minério de ferro e celulose."

Victor Nehmi, fundador e gestor da Sparta Investimentos

 

"Acho que ainda teremos vários anos com a China sendo o motor da alta das commodities. O país está vivendo um ciclo de investimentos muito forte em infraestrutura, tanto é que a produção de aço chinesa, que responde por 50% do total no mundo, cresceu 5% em 2020, mesmo em meio à pandemia."

Patrick Conrad, analista de commodities da Western Asset

 

"O petróleo está subindo mais por restrição de oferta da OPEP do que por esgotamento de capacidade de produção."

Victor Nehmi, fundador e gestor da Sparta Investimentos

 (Texto publicado por Natália Flach)