Membro do BC chinês prevê desaceleração no PIB do 4º trimestre, com alta de 5%

Em entrevista à mídia estatal, membro da instituição previu que a economia chinesa poderá crescer um pouco mais de 6% no terceiro trimestre

Estadão Conteúdo
12 de julho de 2021 às 14:57 | Atualizado 12 de julho de 2021 às 15:13
Bandeira China
Foto: Unsplash/Brian Matangelo

 

O avanço anual do Produto Interno Bruto (PIB) da China provavelmente desacelerou para 8% no segundo trimestre e poderá se enfraquecer para até 5% no último trimestre de 2021, afirmou Wang Yiming, integrante do comitê de política monetária do PBoC, como é conhecido o banco central chinês.

Em entrevista à mídia estatal, Wang previu que a economia chinesa poderá crescer um pouco mais de 6% no terceiro trimestre e entre 5% e 6% no quarto trimestre.

 

Wang também comentou que a decisão do PBoC, na semana passada, de reduzir compulsórios bancários foi uma "operação de liquidez rotineira". Segundo ele, a iniciativa não reflete mudanças na atual política monetária do país. No primeiro trimestre, o PIB chinês deu um salto anual de mais de 18%, graças à fraca base de comparação, visto que o maior impacto da pandemia de covid-19 ocorreu nos primeiros três meses do ano passado. Fonte: Dow Jones Newswires.