Unilever registra queda de 3,53% no lucro no 1º semestre

"Estamos confiantes de que entregaremos um crescimento de vendas subjacente em 2021", disse o presidente da companhia

do Estadão Conteúdo
22 de julho de 2021 às 09:03 | Atualizado 22 de julho de 2021 às 09:41
Unilever
Unilever
Foto: Aleksander Kalka/NurPhoto via Getty Images

A Unilever informou nesta quinta-feira (22) uma ligeira queda no lucro antes de impostos no primeiro semestre de 2021 e disse que espera cumprir sua meta plurianual de crescimento de receita em 2021 como um todo, apesar de comparativos mais difíceis.

A varejista multissetorial anglo-holandesa - que possui marcas de consumo como sorvete Ben & Jerry's, sabonete Dove e produtos de limpeza Cif e Domestos - registrou um lucro antes de impostos de 4,37 bilhões de euros (US$ 5,15 bilhões) no período, em comparação com o lucro de 4,53 bilhões de euros em igual período do ano anterior, uma queda de 3,53%.

"As restrições na vida diária continuam em todo o mundo, impactando a dinâmica do canal, o mix de vendas e o comportamento do consumidor", disse a empresa.

A receita no primeiro semestre foi de 25,79 bilhões de euros, ante faturamento de 25,71 bilhões de euros nos seis primeiros meses de 2020. Isso representa uma alta de 0,31% ."Estamos confiantes de que entregaremos um crescimento de vendas subjacente em 2021 dentro de nossa meta plurianual de 3% a 5%, apesar dos comparativos mais desafiadores no segundo semestre", afirmou o presidente executivo da Unilever, Alan Jope.