Argentina limita exportação de carne até o fim do ano para segurar preço interno

Anúncio ocorreu dois dias após o término da suspensão que o governo havia imposto por um mês a todos os embarques de carne

Carnes são armazenadas em frigorífico
Carnes são armazenadas em frigorífico Foto: Divulgação/Ministério da Agricultura

Por Agustín Geist e Nicolás Misculin, da Reuters

Ouvir notícia

 O governo da Argentina anunciou nesta terça-feira (22) limitações às exportações de cortes de carne bovina amplamente consumidos no mercado interno para evitar aumentos no preço local da proteína.

O anúncio ocorreu dois dias após o término da suspensão que o governo havia imposto por um mês a todos os embarques de carne, o que gerou um forte protesto do setor agrícola.

“As exportações serão reabilitadas, mas até completarem 50% da média dos embarques do ano passado”, disse em coletiva de imprensa o ministro de Desenvolvimento de Produção da Argentina, Matías Kulfas.

Tópicos

Mais Recentes da CNN