Banco Central autoriza cisão da participação do Itaú Unibanco na XP

A operação já havia recebido manifestação favorável do Federal Reserve

Sede da XP Investimentos, em São Paulo
Sede da XP Investimentos, em São Paulo Foto: Amanda Perobelli/Reuters

Paula Arend Laier,

da Reuters

Ouvir notícia

O Banco Central autorizou alteração societária relacionada ao Itaú Unibanco, que prevê a cisão da participação do conglomerado na XP Inc, segundo comunicado da autoridade monetária nesta terça-feira (27).

A autorização ocorreu no último dia 23 de julho, afirmou o BC, acrescentando que “não se verificaram riscos prudenciais ou concorrenciais para o Sistema Financeiro Nacional (SFN)” com a mudança.

A operação já havia recebido manifestação favorável do Federal Reserve (Fed, banco central norte-americano).

A alteração decorreu da transferência das ações da XP Inc. de titularidade do Itaú Unibanco para a XPart, uma nova empresa do grupo econômico Itaú, com sede nos Estados Unidos e não pertencente ao conglomerado bancário.

A XPart, por sua vez, torna-se parte do acordo de acionistas com a XP, afirmou o BC, com os mesmos direitos e obrigações atribuídos até então ao Itaú Unibanco, de modo que o conglomerado bancário do Itaú Unibanco deixa de participar da administração da XP.

 

 

Mais Recentes da CNN