Biden detalha proposta do pacote de US$ 1,2 tri para infraestrutura

Entre as formas de financiamento do pacote anunciadas pela Casa Branca, estão a diminuição nas desigualdades no pagamento de impostos

Moeda americana fechou abaixo dos R$ 5 pela primeira vez em duas semanas (16.nov.2014)
Moeda americana fechou abaixo dos R$ 5 pela primeira vez em duas semanas (16.nov.2014) Foto: Marcelo Del Pozo/Reuters

Por Matheus Andrade e André Marinho, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

 A proposta de um pacote de infraestrutura acordada nesta quinta-feira (24) entre a Casa Branca e parlamentares tem um valor total de US$ 1,2 trilhão, distribuídos ao longo de oito anos, com US$ 312 bilhões voltados ao setor de transportes.

Em comunicado, o governo dos Estados Unidos indicou que os gastos federais em um primeiro momento têm um valor de US$ 579 bilhões na proposta, que serão acrescidos com o passar dos anos caso aprovados no Congresso.

Entre as formas de financiamento do pacote anunciadas pela Casa Branca, estão a diminuição nas desigualdades no pagamento de impostos, a realocação de verbas não utilizadas durante o ano de 2020, a venda “estratégica” de reservas de petróleo e parcerias público privadas.

O plano envolve dois terços das somas que o presidente Joe Biden havia proposto anteriormente, e engloba uma visão mais abrangente de infraestrutura, um ponto de discussão entre democratas e republicanos. Transporte limpo, água limpa, banda larga universal, energia limpa e resiliência às mudanças climáticas são algumas das “infraestruturas” que o comunicado destacou.

“O presidente Biden acredita que estamos em um ponto de inflexão entre a democracia e a autocracia”, diz o documento. Desta forma, neste “momento de nossa história”, o democrata “acredita que devemos demonstrar ao mundo que a democracia americana pode ajudar”, indica o comunicado.

Biden “trabalhará com o Congresso para desenvolver a Estrutura de Infraestrutura Bipartidária em uma legislação que avance em conjunto, e ele está animado com o fato de a Câmara e o Senado estarem trabalhando em planos orçamentários que o façam”, diz o comunicado.

Mais Recentes da CNN