Bitcoin e ether orbitam níveis arriscados

Na semana passada, traders tornaram-se menos dispostos a pagar para manter posições longas em futuros de bitcoin

Decentraland é um tipo específico de metaverso que usa a tecnologia blockchain
Decentraland é um tipo específico de metaverso que usa a tecnologia blockchain Art Rachem/Unsplash

Por Alun John e Vidya Ranganathan, da Reuters

Ouvir notícia

O bitcoin e o ether, as duas maiores criptomoedas do mundo, mostravam acréscimos moderados nesta quarta-feira (17) mas ainda trabalhavam em níveis que os analistas acreditam que poderiam significar mais quedas se rompidos para baixo.

O bitcoin era negociado em torno de US$ 60.710, alta de 0,9% e cerca de 12% abaixo do recorde de US$ 69.000 estabelecido em 10 de novembro, enquanto o ether saía a US$ 4.254, queda de 12,6% ante a máxima de US$ 4.868.

Em mínimas da sessão mais cedo, o bitcoin caiu a US$ 58.400 e o ether a US$ 4.065.

Apesar de movimentos de realização de lucros após a forte alta nos preços representarem o maior fator para a queda, analistas apontaram a atualização do blockchain do bitcoin no fim de semana, o aumento da inflação nos EUA e a mais recente diretiva da China para suas empresas estatais de não se envolverem na mineração de criptomoedas como outras razões por trás do sentimento mais cauteloso.

O valor do bitcoin dobrou desde janeiro. Sua correção pode ser severa se cair para US$ 58.000, disse Craig Erlam, analista de mercado sênior da corretora online Oanda, em nota.

“Foi mais ou menos onde encontrou forte apoio no final de outubro e, dado o quanto tem lutado para fazer grandes avanços desde então, pode ser o catalisador para uma correção mais profunda”, escreveu Erlam.

As notícias de que o Twitter não estaria investindo em criptomoedas e a rejeição da Securities and Exchange Commission (SEC) do que teria sido o primeiro fundo de câmbio à vista de bitcoin da VanEck também influenciaram as cotações.

“Isso dá a sensação de que poderíamos ver uma ação bidirecional complicada e não seria surpresa ver 68.000 no limite superior e 57.000 no lado negativo”, afirmou Chris Weston, chefe de pesquisa da corretora Pepperstone em Melbourne, em uma nota de cliente.

Na semana passada, traders tornaram-se menos dispostos a pagar para manter posições longas em futuros de bitcoin. As taxas médias de financiamento caíram para 0,00354% na terça-feira, de acordo com a plataforma de análise de criptomoeda CryptoQuant, a mais baixa desde o final de setembro e de 0,04122% em 10 de novembro.

As taxas de financiamento representam o sentimento no mercado de swaps perpétuos, uma parte importante do mundo de derivativos de bitcoin. As taxas de financiamento positivas implicam que os comerciantes estão otimistas, já que devem pagar para manter uma posição longa, enquanto as taxas negativas significam que os comerciantes devem pagar para manter uma posição vendida e, portanto, estão baixistas.

 

Mais Recentes da CNN