Bolsas da Ásia fecham em alta, com salto de ações de tecnologia em Hong Kong

Apetite por risco ganhou força após relatos de que a China dará acesso a relatórios de empresas para reguladores dos EUA

Em função de feriados, os mercados da China continental e de Taiwan não operaram nesta segunda
Em função de feriados, os mercados da China continental e de Taiwan não operaram nesta segunda Aly Song/Reuters

Sergio Caldas, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

As bolsas asiáticas fecharam em alta nesta segunda-feira (4), à medida que ações de tecnologia chinesas saltaram em Hong Kong.

Liderando os ganhos na Ásia, o índice Hang Seng subiu 2,10% em Hong Kong, cotado a 22.502,31 pontos. No setor de tecnologia, destacaram-se as ações da Alibaba (+3,65%) e da Tencent (+2,96%).

O apetite por risco ganhou força após relatos de que a China está se preparando para dar a reguladores dos EUA acesso total aos relatórios de auditoria da maioria das mais de 200 empresas chinesas listadas em Nova York já em meados deste ano.

A notícia impulsionou ADRs, recibos de ações negociados na bolsa de Nova York, chineses na sexta-feira (1º).

Em outras partes da Ásia, o japonês Nikkei avançou 0,25% em Tóquio, a 27.736,47 pontos, e o sul-coreano Kospi se valorizou 0,66% em Seul, a 2.757,90 pontos.

Em função de feriados, os mercados da China continental e de Taiwan não operaram nesta segunda-feira e continuarão fechados na terça-feira (5).

O tom positivo na Ásia também veio após as bolsas de Nova York assegurarem ganhos moderados na sexta-feira, na esteira de dados majoritariamente favoráveis do mercado de trabalho dos Estados Unidos.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou no azul, ajudada pelo setor minerador. O S&P/ASX 200 avançou 0,27% em Sydney, a 7.513,70 pontos.

Mais Recentes da CNN