Bolsonaro troca um dos conselheiros da Itaipu Binacional

A troca está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (8)

O presidente Jair Bolsonaro durante visita à Itaipu: "função social" da Petrobras desanimou investidores
O presidente Jair Bolsonaro durante visita à Itaipu: "função social" da Petrobras desanimou investidores Foto: Reprodução/CNN Brasil (25.fev.2021)

Luci Ribeiro, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

O presidente da República, Jair Bolsonaro, exonerou o diplomata Pedro Miguel da Costa e Silva da função de conselheiro da Itaipu Binacional e nomeou para a vaga o diplomata Fernando Simas Magalhães, que terá mandato até 16 de maio de 2024. A troca está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (8).

O Conselho de Administração da Itaipu é composto por 12 conselheiros, seis do Brasil e seis do Paraguai, e dois representantes dos Ministérios das Relações Exteriores, um de cada país.

Além do conselho, a empresa tem uma diretoria executiva, também formada por 12 integrantes.

Para cada cargo reservado a um país, há um posto equivalente destinado à outra margem, tanto no conselho quanto na diretoria.

Mais Recentes da CNN