Carteira de ações: veja quais setores devem despontar com a vacina contra Covid

Podcast 'O que eu faço?' tira dúvidas sobre investimentos em tempos de crise

Podcast O que eu faço? tira dúvidas sobre investimentos em tempos de crise
Podcast O que eu faço? tira dúvidas sobre investimentos em tempos de crise Foto: Divulgação

CNN Brasil Business

Ouvir notícia

A expectativa pela vacina contra o coronavírus tem mexido com os ânimos do mercado. O clima é de otimismo, e quem acompanha o noticiário econômico sabe que as empresas que levaram um grande tombo com a pandemia estão se recuperando na bolsa –  como aquelas ligadas ao turismo, por exemplo. 

 

À luz desse cenário, muitos investidores se perguntam se essa é a hora certa de mudar o portfólio de ações. Para Ricardo Peretti, estrategista de renda variável da Santander Corretora, não poderia haver momento melhor. Ele explica que isso vale especialmente para aqueles investidores que, no início da pandemia, trocaram sua carteira de investimentos pensando em empresas que teriam oportunidade de crescimento durante o isolamento, como as varejistas com forte atuação no e-commerce.

Leia também:
Vale, Magalu: 10 ações recomendadas por corretoras para investir em dezembro
Ações mais baratas? B3 reduzirá taxas para investimentos a partir de fevereiro

Apesar de muitas dessas companhias continuarem sendo uma boa opção, é uma boa ideia diversificar o portfólio adicionando ações de setores que sofreram durante a pandemia.

É o caso do setor de siderurgia e mineração, por exemplo, que estão ganhando força com a retomada econômica na China. Segundo o estrategista do Santander, os bancos também são uma boa escolha. 

Veja também:
Ouça todos os episódios do podcast ‘O que eu faço?’

Peretti alerta para cuidados na hora de vender ações e substituí-las por outras. O especialista diz ao podcast O que eu faço? que a troca não deve ser feita só porque determinada ação subiu. É importante observar a tendência de longo prazo do setor, o desempenho do papel em relação a concorrentes e, claro, prestar atenção às taxas cobradas na hora de fazer a ‘rotação’ da carteira. 

Essas e outras dicas do Ricardo Peretti estão no episódio sobre mudança de portfólio do O que Eu Faço?, podcast apresentado por Fernando Nakagawa e Luciana Barreto.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais Recentes da CNN