CNA propõe aumentar para R$ 22 bilhões os créditos rurais até 2023

Confederação Nacional da Agricultura também propõe seguro rural de R$ 2 bi e taxas de juros abaixo de dois dígitos

Evandro Cinida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

A Confederação Nacional da Agricultura (CNA) apresentou ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) dez propostas para auxiliar o produtor rural até 2023.

Estas sugestões são para a construção do plano agrícola e pecuário, que garante as políticas públicas para o desenvolvimento no setor no Brasil. Entre as proposta, estão o pedido de R$ 2 bilhões para o seguro rural no ano que vem e que as taxas de juros para operações do crédito rural fiquem abaixo de dois dígitos.

O documento sugere ainda a liberação de quase R$ 22 bilhões para estes créditos rurais – 67% a mais do que o disponibilizado no plano anterior.

Em entrevista à CNN, o diretor-técnico da CNA, Bruno Lucchi, explicou a importância de colocar as propostas em prática.

“Este recurso tem um ganho que transcende a agropecuária brasileira. Ele incrementa o PIB do Brasil, incrementa empregos, exportações… ele traz benefícios além do agro, é um recurso que retorna à sociedade”, afirmou.

Veja mais no vídeo acima.

Mais Recentes da CNN