Com superávit de US$ 1,1 bi, balança comercial despenca 50% em fevereiro

Esse é o pior resultado para meses de fevereiro desde 2012

Trabalhador no Porto de Santos, em São Paulo (23.set.2019)
Trabalhador no Porto de Santos, em São Paulo (23.set.2019) Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

Anna Russi,

do CNN Business, em Brasília

Ouvir notícia

 

Apesar de ter registrado superávit de US$ 1,152 bilhões em fevereiro de 2021, o saldo da balança comercial brasileira despencou 50,4% na comparação com o mesmo mês do ano passado. Esse é o pior resultado para meses de fevereiro desde 2012. 

Os números foram divulgados pelo Ministério da Economia nesta segunda-feira (1º). 

No total, a compra de produtos estrangeiros somou US$ 15,030 bilhões, número 13,4% maior que o resultado de fevereiro de 2020. A alta é explicada pelos avanços de 14,9% e 12,4% na Agropecuária e na Indústria de Transformação, respectivamente. 

Já as exportações totalizaram US$ 16,183 bilhões, com alta de 3,9%. Esse avanço foi puxado pelas indústrias Extrativa e de Transformação, que registraram altas de 13,8% e 3,5%, respectivamente. Por outro lado, a exportação do setor agropecuário recuou 10,8% no período. 

“A Indústria de Transformação cresceu aqui no mês principalmente pelo maior embarque de açúcar, farelo de soja, produtos siderúrgicos, aeronaves, óleos e vegetais. Na Indústria Extrativa, principalmente o minério de ferro”, observou o subsecretário de inteligente e estatística de comércio exterior, Herlon Brandão.

Ainda segundo ele, a queda na exportação da agropecuária foi causada, principalmente, pela soja, que caiu 33,1%. “Temos uma safra tardia este ano, o que faz com que vejamos maior volume nos meses mais para frente. Os produtos como milho e algodão em bruto mitigam essa queda”, completou. 

Apesar do saldo negativo, a corrente de comércio, que serve como termômetro para a atividade econômica, avançou 8,2% ante fevereiro de 2020. No total, a soma das exportações e importações brasileiros foi US$ 31,213 bilhões no segundo mês do ano. 

No primeiro bimestre, a balança comercial acumula superávit de US$ 26 milhões, resultado de US$ 30,990 bilhões exportados e US$ 30,964 bilhões importados.

Mais Recentes da CNN