Conexão Agro: Setor de proteína animal identifica recorde de produção

O setor que já acumula recordes de produção de frango e porco neste ano, com aumentos que superam os 3% em comparação com 2020, de acordo com a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA)

Evandro Cinida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Mesmo com o avanço da variante Ômicron do novo coronavirus, a vacinação no Brasil traz otimismo para os produtores de peru, frango e suíno. É o que aponta a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

O setor. que já acumula recordes de produção de frango e porco neste ano, com aumentos que superam os 3% em comparação com 2020, percebe também aumento na procura pelas proteínas que vão à mesa nas refeições de fim de ano.

Para o gerente de mercados da ABPA, Luis Rua, o setor “tem visto um aumento das vendas dos kits natalinos, o que chamamos de comércio B2B, ou seja, aquele em que a empresa do setor vende pra outra empresa e esse produto depois é entregue aos funcionários destas empresas”, contou.

“No caso das vendas do varejo e do atacado em geral destes mesmos produtos, aí sim temos uma certa estabilidade ainda muito em função dessa recuperação que a gente espera que vá ocorrer cada vez de forma mais acelerada na nossa economia nesse ano de 2022”, afirmou.

Veja mais detalhes no vídeo acima.

Mais Recentes da CNN