Covaxin e saída de Salles elevam tensão política, mas mercado segue otimista

Até agora, o mercado já refletiu de tudo, menos a crise política que o país está vivendo

Abertura de Mercado
Abertura de Mercado Foto: CNN

do CNN Brasil Business, em São Paulo*

Ouvir notícia

 

O ambiente político por aqui está cada vez mais quente e conturbado. A CPI já estava deixando um clima tenso no ar, mas com as acusações sobre compras superfaturadas da Covaxin pelo governo, as coisas estão ficando cada vez mais delicadas. 

 

Com a saída de Ricardo Salles do Ministério do Meio Ambiente, podemos ver o estado crítico em que a política se encontra. 

Mas, até agora, o mercado já refletiu de tudo, menos a crise política que o país está vivendo. Mesmo com tantos ruídos e tensões, o Ibovespa continua próximo dos 130 mil pontos, e o dólar, mesmo aos trancos e barrancos, continua abaixo dos R$ 5.]

 

Neste episódio do Abertura de Mercado, a comentarista de economia da CNN Thaís Herédia ouve especialistas para entender esse movimento.

Agenda:

A agenda mais importante do dia é a reunião do Conselho Monetário Nacional (CMN), a partir das 15h, que decidirá qual será a meta para a inflação de 2024.

Se o órgão mantiver o ritmo que vem adotando nos últimos quatro anos, de redução em 0,25 ponto percentual (p.p.) ao ano, a meta cai para 3%, com margem de tolerância de 1,5 ponto para mais ou para menos.

*Texto publicado por Ligia Tuon

 

Mais Recentes da CNN