Crise da Ucrânia deve frear crescimento global, diz secretária do Tesouro dos EUA

"Estamos vendo pressão sobre os preços das commodities por causa da situação entre Rússia e Ucrânia", disse Yellen em entrevista

A secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen, discursa na reunião de inverno da Conferência de Prefeitos dos EUA em Washington
A secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen, discursa na reunião de inverno da Conferência de Prefeitos dos EUA em Washington REUTERS/Jonathan Ernst

Reuters

Ouvir notícia

A crise entre Rússia e Ucrânia está elevando os preços de commodities e deve reduzir as perspectivas de crescimento global no próximo ano, alertou nesta sexta-feira (25) a secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen.

A Ucrânia é um importante fornecedor de trigo e milho, e os preços vêm saltando desde que a Rússia invadiu o país vizinho no mês passado.

“Estamos vendo pressão sobre os preços das commodities por causa da situação entre Rússia e Ucrânia”, disse Yellen em entrevista à CNBC.

“E estou preocupada com contágios para os países que, por exemplo, são altamente dependentes do trigo. Os preços do trigo dispararam. E acho que isso provavelmente reduzirá as perspectivas para o crescimento global ao longo do próximo ano.”

Yellen disse que os preços da gasolina podem subir mais e que os Estados Unidos estão trabalhando com aliados para tentar aliviar o impacto sobre os consumidores.

Mais Recentes da CNN