“Crise é oportunidade de união”, diz Lira após congelamento do ICMS

Confaz aprovou nesta sexta-feira (29), por unanimidade, o congelamento por 90 dias do valor do ICMS

Da CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

O Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) aprovou nesta sexta-feira (29), por unanimidade, o congelamento por 90 dias do valor do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) cobrado nas vendas de combustíveis. Esse conselho é formado pelos secretários de Fazenda dos estados e do Distrito Federal.

Após o anúncio do congelamento, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou em suas redes sociais que “crise é oportunidade de união”.

“Quando governadores concordam em congelar o ICMS dos combustíveis para diminuir a pressão na bomba e pedem que a Petrobras entre no debate sobre os preços, tenho a certeza de que crise é oportunidade de união e de compromisso público de todos nós”, escreveu Lira.

O objetivo do congelamento é preservar os preços dos combustíveis, nos valores atuais, entre 1º de novembro deste ano e 31 de janeiro de 2022. O projeto que muda a cobrança do ICMS pelos estados está parado no Senado e enfrenta resistência dos governadores.

A medida, adiantada pela comentarista da CNN Renata Agostini, começa a valer no dia em que está prevista uma greve de caminhoneiros em protesto contra o preço do diesel, para o qual a Petrobras anunciou alta de 7% nesta semana.

Foi o segundo aumento do mês de outubro anunciado pela estatal. No ano, só a gasolina já acumula alta de mais de 70%.

*Publicado por Thâmara Kaoru

Tópicos

Mais Recentes da CNN