Embraer faz acordo com FAB para encomenda de cargueiro KC-390

Corte de unidades foi menor que o anunciado no fim de 2021

Logo da Embraer na sede da empresa em São José dos Campos
Logo da Embraer na sede da empresa em São José dos Campos 28/02/2018 REUTERS/Roosevelt Cassio

Alberto Alerigi Jr.da Reuters

da Reuters

Ouvir notícia

A Embraer anunciou nesta quarta-feira (9) que fechou acordo para reduzir a encomenda de cargueiros KC-390 feita pela Força Aérea Brasileira (FAB), de 28 para 22 unidades, mas um corte menor do que o anunciado pela FAB no fim de 2021.

Em novembro, a FAB anunciou que reduziria a encomenda de forma unilateral para 15 unidades do KC-390, após não fechar um acordo com a fabricante brasileira na época.

Em 2014, Embraer e o Comando da Aeronáutica assinaram contrato para a produção do cargueiro no valor 7,2 bilhões de reais em valores da época. A primeira aeronave foi entregue à FAB em 2019.

A Embraer afirmou agora que a redução da encomenda foi acertada com cláusulas que minimizam efeitos sobre a companhia. A empresa não deu detalhes, mas afirmou que a carteira de pedidos firmes foi reduzida em 500 milhões de dólares.

A empresa mencionou ainda que o acordo poderá gerar impacto imediato de até 50 milhões de dólares que será expresso no balanço financeiro do ano passado, previsto para ser divulgado em 24 de março. Porém, a companhia afirmou que isso não vai comprometer o atingimento do “guidance” para o ano.

Mais Recentes da CNN