Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Bolsas dos EUA fecham em queda; S&P 500 acaba com sequência de altas

    Segundo o The Wall Street Journal, se o S&P 500 fechasse em alta novamente nesta terça-feira (9), seria a mais longa sequência de recordes do benchmark desde 1955

    Placa próxima à Bolsa de Valores de Nova York sinaliza Wall Street
    Placa próxima à Bolsa de Valores de Nova York sinaliza Wall Street 04/05/2021REUTERS/Brendan McDermid

    Artur Nicocelida CNN

    São Paulo

    Ouvir notícia

    Os principais índices dos EUA terminaram a sessão desta terça-feira (8) em queda. O Dow Jones recuou 0,31%, aos 36.319 pontos, o Nasdaq caiu 0,60%, aos 15.886 pontos e o S&P 500 terminou em baixa de 0,35%, aos 4.685 pontos.

    Segundo o The Wall Street Journal, se o S&P 500 fechasse em alta novamente na terça-feira, seria a mais longa sequência de recordes do benchmark desde 1955.

    Dentre os principais destaques do pregão de hoje estão os problemas nas cadeias de suprimentos e as preocupações dos investidores norte-americanos com a inflação dos Estados Unidos.

    O Bacen norte-americano já anunciou a redução de suas compras de títulos de US$ 120 bilhões por mês, mas disse em sua última reunião que terá paciência em relação à alta dos custos dos empréstimos.

    A manutenção de juros baixos na maior economia do mundo é vista como favorável a ativos arriscados, como moedas de países emergentes.

    Em outubro, a inflação dos EUA marcava 5,4% em 12 meses.

    Os investidores norte-americanos ainda têm no radar os movimentos que executivos estão fazendo para tentar descarrilhar o projeto do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, que visa fazer com que empresas multinacionais paguem mais impostos no país, cerca de US$ 800 bilhões, na totalidade.

    O mercado acredita que as companhias podem transferir seus empréstimos e investimentos para o exterior, buscando fugir da lei de gastos.

    Por outro lado, segundo Filipe Villegas, analista da Genial Investimentos, aponta que as commodities norte-americanas podem dar um respiro para os índices.

    O Petróleo WTI, negociado em Nova York, subia 3%, a US$ 84,39, às 18h02, horário de Brasília, por exemplo.

    Movimentações empresariais

    De acordo com o The Wall Street Journal, a General Eletric informou que se dividirá em três companhias de capital aberto, desmembrando o conglomerado de mais de um século.

    A estratégia foi relevada após Larry Culp assumir o controle da companhia em dificuldades, e tentar estabilizar as operações vendendo parcelas dos negócios da GE.

    Já a queridinha da tecnologia Tesla escorregou e caiu 4,84% na sessão de ontem (8), após o CEO, Elon Musk, publicar uma enquete se deveria vender 10% da companhia. Segundo o site da Nasdaq, os papéis da empresa tombaram quase 12% hoje.

    E, enquanto isso, as ações da Roblox saltaram mais de 25% antes do mercado, depois que a empresa de entretenimento online disse que suas receitas mais que dobraram no terceiro trimestre, e os papéis da AMC Entertainment, popular entre os comerciantes individuais, caíram mais de 12%.

     

    Mais Recentes da CNN