Evergrande emite pedido para que ação volte a ser negociada em Hong Kong

Empresa informou que uma possível aquisição de sua unidade de gestão de propriedades não ocorreu

Evergrande tinha pedido anteriormente que seus papéis deixassem de ser negociados na bolsa
Evergrande tinha pedido anteriormente que seus papéis deixassem de ser negociados na bolsa REUTERS/Tyrone Siu

Estadão Conteúdo

Gabriel Caldeira, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

A Evergrande informou na manhã desta quarta-feira (20), por meio de comunicado à Bolsa de Hong Kong, que pediu que sua ação volte a ser negociada no pregão do país a partir do início da sessão da quinta-feira (21) – que começa na noite desta quarta, pelo horário de Brasília.

Também por requisição da incorporadora chinesa, que atravessa grave crise fiscal, seus papéis deixaram de ser negociados em Hong Kong no último dia 4.

A Evergrande ainda informou que uma possível aquisição de sua unidade de gestão de propriedades, a Evergrande Property Services, não ocorreu.

O anúncio havia sido feito no mesmo dia em que a empresa pediu pela suspensão das negociações de suas ações na Bolsa.

Mais Recentes da CNN