Expansão da indústria da zona do euro permanece forte em dezembro, mostra PMI

Fábricas aproveitaram alívio nos gargalos das cadeias de oferta e estocaram matérias-primas a um ritmo recorde

PMI final caiu a 58,0 em dezembro de 58,4 em novembro, igualando o resultado preliminar e confortavelmente acima da marca de 50,0
PMI final caiu a 58,0 em dezembro de 58,4 em novembro, igualando o resultado preliminar e confortavelmente acima da marca de 50,0 REUTERS/Wolfgang Rattay

da Reuters

Ouvir notícia

A atividade industrial da zona do euro continuou mostrando resiliência no final de 2021, uma vez que as fábricas aproveitaram um alívio nos gargalos das cadeias de oferta e estocaram matérias-primas a um ritmo recorde, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês).

O PMI final de indústria da IHS Markit caiu a 58,0 em dezembro de 58,4 em novembro, igualando o resultado preliminar e ainda confortavelmente acima da marca de 50 que separa crescimento de contração.

O subíndice de indústria repetiu a taxa de novembro de 53,8.

“Foi um período incrivelmente desafiador para a indústria da zona do euro a segunda metade de 2021, mas os dados da pesquisa mais recente não estragaram muito o humor festivo”, disse Joe Hayes, economista sênior da IHS Markit.

“Temos visto alguns sinais iniciais, mas muito bem vindos, de que a crise da cadeia de oferta que afetou as linhas de produção em toda a Europa esta começando a regredir.”

Esse alívio significou que o índice de preços de insumo caiu para a mínima de oito meses de 86,7, de 88,9, permitindo que as fábricas elevassem seus preços a um ritmo muito mais lento do que em novembro.

Alemanha

Na Alemanha, o PMI ficou em 57,4 em dezembro, inalterado em relação a novembro e no menor nível desde janeiro de 2021, segundo pesquisa da IHS.

A leitura definitiva ficou abaixo da estimativa preliminar de dezembro e também da previsão de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, de 57,9 em ambos os casos.

Ainda que estável, o resultado acima da marca de 50 mostra que a manufatura alemã continuou se expandindo no último mês de 2021.

Mais Recentes da CNN