Expectativa do BC é que PL Cambial seja votado na Câmara no 2º semestre

O PL nº 5.387 que representa um novo marco para o mercado de câmbio brasileiro, diz deputado

Sede do Banco Central, em Brasília (29.out.2020)
Sede do Banco Central, em Brasília (29.out.2020) Foto: Adriano Machado/Reuters

Por Fabrício de Castro e Lorenna Rodrigues

Ouvir notícia

O diretor de Política Econômica do Banco Central, Fabio Kanczuk, disse nesta segunda-feira (7) que a instituição tem “esperança” de que o Projeto de Lei Cambial seja votado na Câmara dos Deputados no segundo semestre deste ano.

O PL nº 5.387, que representa um novo marco para o mercado de câmbio brasileiro, é relatado na Casa pelo deputado federal Otto Alencar Filho (PSD-BA).

“Otto Alencar melhorou bastante o PL cambial”, disse Kanczuk.

Questionado sobre a tramitação do projeto, o diretor de diretor de Organização do Sistema Financeiro do BC, João Manoel Pinho de Mello, lembrou que o Congresso “tem seus tempos” para votação.

Pinho de Mello afirmou ainda que parte da agenda do BC está ligada à desburocratização das autorizações às instituições monitoradas. “Muita coisa foi feita à luz de princípios antigos. Tem uma discussão de modernização dos procedimentos de autorização”, afirmou.

Kanczuk e Pinho de Mello participaram nesta segunda-feira da divulgação do Relatório de Economia Bancária (REB) referente a 2020.

Mais Recentes da CNN