Exportações na Alemanha avançam pelo 11º mês consecutivo

O aumento das exportações também baixou a balança comercial para 14,3 bilhões de euros (US$ 17,2 bilhões), seu menor patamar desde abril passado

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, na reunião virtual da Cúpula de Líderes sobre o Clima
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, na reunião virtual da Cúpula de Líderes sobre o Clima Foto: Reprodução/CNN Brasil (22.abr,2021)

Thomas Escritt e Rene Wagner, da Reuters

Ouvir notícia

As empresas alemães aumentaram suas exportações pelo décimo primeiro mês consecutivo em março, desafiando a crise do coronavírus, mostraram dados da Agência de Estatísticas da Alemanha nesta sexta-feira (7), com o crescimento das exportações chegando a 1,2%, o dobro da taxa que os economistas haviam previsto.

As exportações para o Reino Unido caíram pelo terceiro mês consecutivo desde que o país deixou definitivamente o mercado interno da União Europeia, em 1 de janeiro, encolhendo mais 13,2%, para 6,5 bilhões de euros (US$ 7,8 bilhões). Mas as importações do Reino Unido aumentaram ligeiramente, em 1,6%, para 3,1 bilhões de euros.

As importações do restante do mundo também aumentaram, com a Alemanha importando 6,5% mais em valor em março do que no mês anterior, bem acima da projeção de 0,7%, empurrando o saldo da balança comercial para o seu nível mais baixo desde abril passado.

O aumento das exportações também baixou a balança comercial para 14,3 bilhões de euros (US$ 17,2 bilhões), seu menor patamar desde abril passado.

Tópicos

Mais Recentes da CNN