Fed adota medidas agressivas e irá ampliar crédito a famílias e empresas

Ações incluem programas que fornecerão empréstimos estudantis, empréstimos com cartão de crédito e empréstimos garantidos pelo governo a pequenos negócios

Edifício do Federal Reserve em Washington, Estados Unidos 
Edifício do Federal Reserve em Washington, Estados Unidos  Foto: Leah Mills/Reuters

Ouvir notícia

O Federal Reserve disse nesta segunda-feira que começará a respaldar uma gama de créditos sem precedentes para famílias, pequenas empresas e grandes empregadores, em um esforço para compensar as “graves perturbações” econômicas causadas pela pandemia de coronavírus.

As medidas incluem o estabelecimento de novos programas que fornecerão empréstimos estudantis, empréstimos com cartão de crédito e empréstimos garantidos pelo governo norte-americano a pequenas empresas, bem como novos programas para comprar títulos de empregadores maiores e fazer empréstimos a eles.

As compras existentes de Treasuries e de títulos lastreados em hipotecas serão expandidas o quanto for necessário “para apoiar o bom funcionamento do mercado e a transmissão efetiva da política monetária para condições financeiras e econômicas mais amplas”.

Em comunicado, o Fed disse que o esforço, aprovado por unanimidade pelos membros do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc), foi realizado porque “ficou claro que nossa economia enfrentará graves perturbações” como resultado da crise da saúde.

(Por Howard Schneider)

Mais Recentes da CNN