Fiat suspende produção em Betim e confirma férias para 1,9 mil funcionários

Em nota, a montadora afirma que a medida se deve à necessidade de adaptar o ritmo de produção às condições atuais de volume

Concessionária da Fiat
Concessionária da Fiat Foto: Divulgação/FCA

Eduardo Laguna, Agência Estado

Ouvir notícia

A Fiat confirmou nesta quarta-feira (14), que vai interromper parte da produção na fábrica de Betim (MG), devido à irregularidade no abastecimento de peças. Com isso, a montadora vai conceder dez dias de férias a 1,9 mil trabalhadores a partir de segunda-feira (19).

O retorno está previsto para o dia 29. Será suspenso, assim, nesse período o segundo turno de produção de duas das três linhas do complexo industrial. O total de trabalhadores que entrarão em férias é maior do que o número, de 800 a mil funcionários, indicado na semana passada ao sindicato da região.

A Fiat, montadora do grupo Stellantis, informa em nota que a medida se deve à necessidade de adaptar o ritmo de produção às condições atuais de volume e regularidade de fornecimento de componentes.

“A empresa continua em contato e em negociação com seus fornecedores para normalizar os fluxos de suprimentos”, comunicou.

Mais Recentes da CNN