Focada em pequenas empresas, Contabilizei tem aporte e vai ampliar serviços

Fundada em 2013, a startup é um dos principais nomes do ecossistema de inovação de Curitiba e aspirante ao título de "unicórnio"

Segundo Torres, fundador da empresa, os recursos serão aplicados no plano de expansão do negócio em três frentes
Segundo Torres, fundador da empresa, os recursos serão aplicados no plano de expansão do negócio em três frentes Josh Appel/ Unsplash

Bruno Romani, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

Focada em serviços contábeis para pequenas empresas, a startup Contabilizei anunciou nesta quinta (10) que recebeu um aporte de US$ 60 milhões (cerca de R$ 320 milhões).

A rodada foi liderada pelo SoftBank e teve participação de Goldman Sachs e Pruven Capital — o conglomerado japonês também esteve à frente de outro aporte feito em janeiro de 2021.

Fundada em 2013 por Vitor Torres, a startup é um dos principais nomes do ecossistema de inovação de Curitiba e aspirante ao título de quarto “unicórnio” (startup avaliada em pelo menos US$ 1 bilhão) da cidade — os outros são Ebanx, MadeiraMadeira e Olist.

Segundo Torres, os recursos serão aplicados no plano de expansão do negócio em três frentes.

“Vamos usar esse dinheiro para crescer a oferta de produtos, fazer contratações e aumentar nossa presença física”, disse o CEO ao Estadão.

A Contabilizei começou com um serviço de abertura de empresas e serviços de contabilidade para pequenos negócios — hoje, são 30 mil clientes.

Agora, quer avançar em gestão e assessoria financeira, como pagamento de contas, antecipação de recebíveis e recolhimento de impostos.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais Recentes da CNN