Furacão Ida corta 95% da produção de petróleo do Golfo do México

Furacão Ida mostra um impacto significativo no fornecimento de energia na região

Vista da Refinaria Royal Dutch Shell antes do furacão Ida, no sábado, 28 de agosto na Louisiana, Estados Unidos
Vista da Refinaria Royal Dutch Shell antes do furacão Ida, no sábado, 28 de agosto na Louisiana, Estados Unidos Luke Sharrett/Bloomberg/Getty Images

Matt Eganda CNN

Ouvir notícia

Mais de 95% da produção de petróleo do Golfo do México foi interrompida devido ao furacão Ida, disseram os reguladores neste domingo (29), indicando que o furacão está tendo um impacto significativo no fornecimento de energia.

A partir das 13h30 (horário de Brasília), o pessoal foi evacuado de um total de 288 plataformas de produção de petróleo e gás, de acordo com o Bureau of Safety and Environmental Enforcement. Isso representa cerca de 51% das plataformas tripuladas no Golfo do México.

A agência disse que todas as 11 sondas no Golfo do México também foram evacuadas e um total de 1,7 milhão de barris de produção diária de petróleo no Golfo do México foi encerrado – o equivalente a 95,7% da produção total da região.

A perda generalizada de abastecimento de petróleo de um dos centros de energia da América provavelmente aumentará os preços. Os preços do petróleo nos EUA aumentaram acentuadamente na semana passada, antes da chegada do furacão Ida.

Os futuros do petróleo devem começar a ser negociados no início da noite deste domingo.

Texto traduzido, leia o original em inglês.

Mais Recentes da CNN