Gargalos causam inflação, mas nos próximos meses ela deve perder força, diz OMC

Chefe da OMC disse que países com menos acesso a vacinas e sem espaço fiscal "estão ficando para trás" na retomada comercial

Ambos destacam a preocupação com a inflação "Temos visto alguns gargalos na cadeia global, o que é preocupante", dizem
Ambos destacam a preocupação com a inflação "Temos visto alguns gargalos na cadeia global, o que é preocupante", dizem Foto: Divulgação/OMC

Gabriel Bueno da Costa, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

O presidente do Banco Mundial, David Malpass, e a diretora-geral da Organização Mundial de Comércio (OMC), Ngozi Okonjo-Iweala, participaram de evento nesta sexta-feira (15) no qual dialogaram sobre o quadro global.

Um dos pontos destacados por ambos foram os gargalos na cadeia de produção, que têm puxado a inflação para cima. “Temos visto alguns gargalos na cadeia global, o que é preocupante”, disse Malpass.

Okonjo-Iweala destacou que os gargalos têm impulsionado os preços, mas projetou que “nos próximos meses” o movimento deve perder força.

Em outro momento, ela destacou a reação forte recente no comércio de bens e também o papel do comércio para garantir uma recuperação econômica forte após o auge do impacto da pandemia.

A diretora-geral da OMC disse que países com menos acesso a vacinas e sem espaço fiscal “estão ficando para trás” na retomada e que o comércio aparece nesse contexto como fator crucial. “Países que não estão se recuperando precisam ter de volta a demanda externa”, resumiu.

Mais Recentes da CNN